Saúde Digestiva: “Você é o que come”

 

Construir a sua saúde digestiva é uma missão possível!

 

Picasso, Natureza Morta

 

MULHERES: campeãs da Prisão de Ventre

 

Os médicos sabem que as mulheres são campeãs em prisão de ventre. Sabe-se que os hormônios femininos realmente interferem no funcionamento do intestino mas, como tudo na vida, a prisão de ventre não tem uma causa única, ou seja, ela é multifatorial.

Se os hormônios contribuem, o estresse e a tensão também. Então, um bom começo é marcar hora para ir ao banheiro e procurar ir todos os dias na mesma hora. Escolha um momento do dia em que você está sob menos pressão (por exemplo, não faça isso antes de levar as crianças pra escola ou antes de um dia de trabalho onde você terá uma reunião importante). É preciso que você esteja mais relaxada na hora de ir ao banheiro. O movimento intestinal está relacionado ao sistema nervoso e, tensa, você vai ter mais dificuldade para fazer o intestino funcionar.Comece ou incremente a sua atividade física. Além dos inúmeros benefícios da prática regular, todos aqueles que você já sabe, seu organismo vai liberar neurotransmissores que estimulam o funcionamento do intestino e também do humor. Melhor humor, menos prisão de ventre.

 

ARROZ E FEIJÃO
Parece difícil para quem cresceu comendo arroz-feijão-bife-batata frita, hambúrguer e coca cola, adotar novos hábitos alimentares. Parece difícil, mas vale a pena. Nada contra os alimentos acima, arroz e feijão é, inclusive, uma dupla bastante nutritiva. No entanto, se você que se prevenir do câncer do intestino e de problemas gástricos, a sua alimentação precisa ser balanceada, incluindo os nutrientes saudáveis que vão proporcionar uma boa digestão e um bom funcionamento do intestino.

COR É FUNDAMENTAL
Os nutricionistas simplificam para os leigos: o prato tem que ser colorido.
É isso mesmo. Um prato sem verdes, vermelhos e amarelos certamente está incompleto.

Diminuindo as gorduras (muita carne vermelha, churrascos, gratinados e similares) e carboidratos (pão, macarrão, etc.), trocando a manteiga por margarina vegetal (sem colesterol), acostumando-se a colocar no prato as saladas e os legumes, não é preciso seguir nenhuma dieta complicada, nenhum cardápio rígido. Quem não tem o hábito, logo se acostuma com uma alimentação saudável, descobre novos sabores e colhe os benefícios no próprio corpo, em bem estar e bom funcionamento do organismo. Sem se privar de comer o que gosta, mas de outra maneira, mais controladamente e associado aos alimentos saudáveis. Exemplo:
- Frutas: ameixa, figo, pêssego, mamão, abacate, laranja com bagaço.
- Fibras: no talo das verduras, folhas verdes, pão integral, aveia, centeio, trigo e germén de trigo.

SEU CORPO É FEITO DE ÁGUA
É preciso também se acostumar a beber água, mesmo que não esteja morrendo de sede. Um copo d’água antes das refeições ajuda a digestão e manter-se bem hidratado o dia todo faz funcionar muito melhor o intestino, ajudando a dissolver gorduras e fibras, evitando assim o desconforto da prisão de ventre.

RESPIRANDO A LIBERDADE
O cigarro, além dos óbvios males que causa ao sistema respiratório e à resistência física, também atua negativamente sobre o aparelho digestivo. Somado ao café e ao álcool pode causar úlceras ou azia.

O ser humano não foi concebido para passar o dia sentado, fumando e tomando cafezinhos em substituição a água e aos alimentos. Infelizmente muita gente ainda faz isso, embora o cigarro tenha sido praticamente banido de todos os ambientes. Café e álcool, moderadamente consumidos, não são vilões. Mas exageradamente...

É preciso se exercitar. Se você detesta as atividades físicas, os esportes, a malhação, ande. Deixe o carro a um quarteirão de onde tem que ir e faça o resto do percurso a pé. Desça do ônibus um ponto antes. Saia do metrô uma estação antes de seu destino. Suba escadas. Desça escadas. Só isso já trará um enorme benefício ao seu organismo, incluindo o sistema digestivo.

MISSÃO POSSIVEL
Controlar o estresse não é, como muita gente pensa, uma missão impossível. É evidente que, na vida moderna, o estresse está sempre presente, no trânsito, na carreira profissional, nos estudos... Técnicas de relaxamento ajudam. Yoga. Massagem. Não gosta de tudo isso? Sente-se ridículo nessas atividades? Vá ao cinema, ao teatro e, principalmente, leia. Um bom livro estimula nosso cérebro e o isolamento da leitura acalma.
Não é proibido, pra quem prefere, ler na tela.

SUBSTITUA A NICOTINA
Todo fumante que já tentou parar com o vício, sabe que é extremamente estressante ficar, de repente, sem o efeito da nicotina no cérebro. Hoje existem medicamentos sérios (e vendidos apenas com prescrição médica) que substituem a nicotina e ajudam muitíssimo na eliminação do vício. Procure um médico pneumologista e ele o orientará no método e na ingestão do medicamento. Você larga o cigarro sem estresse e o seu sistema digestivo agradece...


SEM RADICALISMOS
Manter hábitos de vida saudáveis não significa se transformar num “natureba” ou virar um “ex fumante neurótico” – radicalismo também faz mal pra saúde. Vá com calma. Mas vá. Chegue lá. Conquiste o seu bem estar e tudo, na sua vida, correrá muito melhor. Além de que estará prevenindo uma série de doenças que decorrem dos maus hábitos alimentares e comportamentais. Entre esses males, o câncer do intestino.
 

VOLTAR PARA A PÁGINA DA DOUTORA